2022

2022

O veterano e experiente analista político tubaronense Arilton Barreiros fez uma avaliação perfeita do processo eleitoral de domingo, em SC.

Perderam a deputada federal Ângela Amin e seu marido, senador Esperidião Amin;  senador Dário Berger, MDB, pelo fracasso com a aliança feita com o PP em Florianópolis; o senador Jorginho Melo, que duplicou o número de prefeitos do PL, mas sem os resultados esperados nas grandes e médias cidades; Gelson Merísio, derrotado em Chapecó; e o governador Carlos Moisés, com o PSL.

Ganharam: o prefeito de Florianópolis, Gean Loureiro (DEM); Clésio Salvaro (PSDB), o grande vitorioso em Criciúma; Joares Ponticelli (PP), pelo desempenho notável em Tubarão; Antídio Lunelli (MDB), pela reeleição tranquila em Jaraguá do Sul, e João Rodrigues (PSD), pelo retorno triunfante em Chapecó.

Todos nomes que não devem faltar para as eleições de governador, senador, deputado federal e estadual em 2022.

Compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.