Brasil não aguenta mais um poste!

Brasil não aguenta mais um poste!

A foto acima mostra a situação real da candidatura do Fernando Haddad ao cargo máximo da República. A presidente do PT Gleisi Hoffmann acompanhado do candidato Haddad, segundo a Gazeta do Povo de Curitiba, visitando o Lula na carceragem da Polícia Federal em Curitiba.
Isto acontece no dia seguinte à proclamação do resultado que sagrou-o disputar o segundo turno da eleição presidencial.
O Lula vem comandando a campanha do PT à presidência da República desde a convenção partidária no mês de agosto. Haddad se inscreveu, também, como advogado de defesa do Lula para poder ter acesso à carceragem da Polícia Federal.
Na prática, o ex-presidente Lula está comandando a campanha do candidato do PT à presidência da República, tal qual faz o traficante Marcola, de dentro de presídio de segurança máxima.
O PT pode estar obedecendo as leis de execuções penais, mas na prática, está desobedecendo o espírito da lei. Seria o mesmo que o traficante Marcola estivesse passando instruções por escrito e gravado para seus comparsas de dentro do presídio.
Este blog vem alertando os desmandos do Lula e PT desde o início de 2012, muito antes da deflagração da Operação Lava Jato em 2014. Fui contra a ladroagem que o PT praticou contra Petrobras e outras estatais.
Quando o PT, Lula e Dilma estavam com a popularidade de 77%, eu estava aqui, quase que solitariamente, denunciando e criticando a administração petista. Diante do exposto, nem é preciso dizer que sou contra a candidatura do Haddad à presidência da República, tanto quanto fui contra a administração desastrada da Dilma.
O Brasil não merece ser comandado por um presidiário, o Lula da Silva, de dentro d a carceragem da Polícia Federal de Curitiba. O próximo dia 28, será decisivo para escolha do destino de todos brasileiros. Vamos pensar, vamos!
Brasil não aguenta mais um poste!

Compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.