E a fila só cresce

E a fila só cresce

Parece que todo político catarinense derrotado nas urnas consegue emprego novo, em seguida, de alto escalão, e sempre na nossa Assembleia Legislativa, uma madrinha de todos eles.

Agora é o caso do ex-deputado federal Cláudio Vignatti (PT), admitido na função de secretário parlamentar para “trabalhar” em Chapecó.

Compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.