Em tempo

Em tempo

A Justiça do Rio de Janeiro anunciou que está autorizada a quebra dos sigilos bancário e fiscal do senador, Flávio Bolsonaro (PSL-RJ), filho do presidente Jair Bolsonaro (PSL).

O sigilo do ex-policial militar Fabrício Queiroz, que foi assessor e motorista de Flávio, também será quebrado. Independentemente de quem seja, deve ser investigado, não é aceitável que se compactue com qualquer situação que possa ter sido ilícita.

O importante é que todas as informações sejam prestadas, pois, quem não deve não teme. Além disso, é preciso lembrar que o presidente da República não tem nenhuma ligação com essa situação.

Compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.