Gilmar Mendes (STF), pede vistas e Lula (PT), deve passar Natal e Ano Novo atrás das grades

Gilmar Mendes (STF), pede vistas e Lula (PT), deve passar Natal e Ano Novo atrás das grades

Não há prazo para novamente STF votar pedido de h.c. do ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva (PT) – ministro Gilmar Mendes (STF), fez pedido de vistas

A Segunda Turma do Supremo Tribunal federal (STF), iniciou na terça-feira (4), a votação do pedido de habeas corpus que a defesa do ex-presidente da República Luís Inácio Lula da Silva (PT), ingressou junto ao STF visando a soltura de Lula da prisão. Este é o quinto pedido de habeas corpus de Lula, sendo que quatro já foram negados pela Justiça. Lula (PT), está preso desde início de abril deste ano e com a negativa inicial por parte de dois ministros do STF em livrar Lula da prisão – os ministros do STF relator Edson Fachin e Cármen Lúcia, ambos votaram na terça-feira (4), pela não concessão deste habeas corpus de Lula (PT).

Enquanto isto, o ministro do STF Gilmar Mendes fez um pedido de vistas do processo e desta forma suspendeu temporariamente esta votação do habeas corpus e, portanto, agora já não há data definida para dar continuidade a esta votação. Enquanto isto, Lula (PT), corre grande risco de permanecer preso na carceragem do prédio da Polícia Federal em Curitiba (PR) e deverá passar o Natal e Ano Novo na cadeia.

 

Tem ainda o indulto natalino que em forma de decreto assinado pelo atual presidente mafioso e corrupto Michel Temer (MDB), e que poderá soltar da prisão mais de 20 mafiosos e corruptos. Michel Temer (MDB); teve aberto processo na Justiça Federal há uma semana atrás e que após janeiro próximo; quando perderá a imunidade a quem atualmente possui direito como presidente da República; podendo ser igualmente preso diante de denúncias de corrupção.

Compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.