NOTÍCIAS – DPVAT vira caso de polícia, mas Toffoli silencia

NOTÍCIAS – DPVAT vira caso de polícia, mas Toffoli silencia

Presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Toffoli mandou dizer que não comentará a grave revelação de auditoria nas contas da Seguradora Líder, que controla o DPVAT, sobre pagamentos suspeitos a pessoas ligadas a ministros da própria Corte, além de políticos do Congresso e integrantes do governo, entre os anos de 2008 e 2017.

Os pagamentos milionários por “serviços prestados” dos quais mal se recordam. A auditoria foi realizada pela empresa de consultoria KPMG.

Quem também não gostou da auditoria foi um empresário do ramos das comunicações em SC, que tem participação na sociedade da Seguradora Líder, se é que me entendes!!!

O relatório cita possíveis relações promíscuas que sugerem eventual estratégia do DPVAT de obter decisões favoráveis das autoridades.

Um cartel de seguradoras controla há décadas o seguro obrigatório de veículos, rateando o faturamento pornográfico anual de R$41 bilhões.

 

 

Compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.