POLÍTICA – Poderoso

Bolsonaro é poderoso. Pois a Organização das Nações Unidas (ONU) mudou as regras – não exigirá comprovante – para permitir que o presidente brasileiro participe da Assembleia-Geral da entidade, mesmo sem vacina contra a covid-19.

Compartilhe!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.