POLÍTICA – Só tropeços

POLÍTICA – Só tropeços

Carlos Moisés não acerta uma. Quando iria dar um gol olímpico indefensável com a entrada do cel. Araújo Gomes na Segurança Nacional, tropeçou pelas mãos da vice Daniela Reinehr. Ali, com tudo errado, tem dado certo para cair ambos do Poder.

EXAGERADA

Os deputados querem mexer, também, na questão dos gastos que Daniela Reinehr investiu em sua própria segurança. Nenhum outro governador, muitos menos vice, em qualquer tempo de SC, viveu em tão alta fartura. A vice pensa-se em perigo físico.

TALVEZ

O chamado perigo físico que Daniela Reinehr estaria mergulhada, uma fobia alimentada desde o 2° turno eleitoral, se estende agora pela guerra entre ela e o titular. Moisés apostou tudo na representação da vice que, ao cuspir no prato, criou animosidade.

REAL

Se Carlos Moisés e Daniela Reinehr não podem se encontrarem em qualquer situação, ambos igualmente com a sociedade. O quadro de total apatia e indignação do cidadão com estas duas autoridades, é de desgosto e afronta. Precisam de segurança mesmo.

REVELAÇÃO

Como todos os dias tem um fato destrutivo no governo Moisés, espera-se novas quedas de secretários. Foi criado uma aposta virtual entre quadros para ver quem, dos atuais, será o próximo. Avaliam que a gestão estadual é de fim de feira. Sai, salvando-se, ou pior, morre junto.

Compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.