Quanta diferença

Quanta diferença

A propósito da decisão de Carlos Moisés de assim que assumir vender os dois aviões oficiais para atender deslocamentos do governador, vem à lembrança o que fez, logo nos primeiros dias, o megalomaníaco governador Luiz Henrique da Silveira.

Para seus deslocamentos entre o Centro Administrativo do Governo, no bairro Saco Grande, até a Casa da Agronômica, vencidos em pouco mais de três minutos, fazia uso de um helicóptero.

Muito criticado pelo excesso, dispensou o caro serviço.

O dispêndio com os dois aviões em 2017 e 2018 foi de R$ 14 milhões. Um imenso desperdício de dinheiro público, convenhamos.

Compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.