Segurança

Segurança

 

O Estado deverá receber gratuitamente, cerca de 3 mil câmeras para o uso da polícia, para o monitoramento das cidades.

A diferença é que se trata de uma câmera com o reconhecimento facial, ou seja, alguém que cometeu um delito, ao passar por um local onde terá esses equipamentos, poderá ser identificado.

Uma empresa de tecnologia catarinense está desenvolvendo as câmeras. O anúncio foi feito pelo governador em exercício Eduardo Pinho Moreira (MDB), ainda na abertura do Ano Maçônico em Chapecó.

Compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.